Impresso

28 de julho de 2017

Edição nº45: Aline Mineiro

A personalidade e os traços marcantes de uma mulher sem igual

  Edição nº45: Aline Mineiro

A capa da vez é um exemplo de multiplicidade. Ela é linda, charmosa, extrovertida, falante, contagiante e com uma personalidade extremamente marcante. Apresentamos para vocês a bela Aline Mineiro.

Como definir uma mulher? Cativante, enigmática, simpática, explosiva, sincera, provocante. São tantos adjetivos que podem detalhar esse sexo nada frágil, que é praticamente impossível chegar a um consenso, afinal existem mil e um tipos de mulheres, com particularidades exclusivas. A capa da vez é um exemplo de multiplicidade. Ela é linda, charmosa, extrovertida, falante, contagiante e com uma personalidade extremamente marcante. Apresentamos para vocês a bela Aline Mineiro.

Se você ainda não ouviu falar deste nome, aqui fica o convite para ligar a TV aos domingos, depois das 21h30, no canal da Band. No ar, você vai encontrar o programa Pânico na Band e lá estará Aline, toda linda, arrasando como assistente de palco. No programa há quase dois anos, a beldade esbanja não só a beleza que Deus lhe deu (e que é lapidada dia a dia!), mas uma desenvoltura sem igual. Aline é uma das queridinhas quando o assunto é “merchan” e é muito solicitada por grandes marcas para anunciar produtos de qualidade encontrados no mercado.

A gata mostra que domina o microfone como ninguém e não é pra menos. A morena, que por vezes está loira também, tem formação pela Escola Wolf Maia, em São Paulo, além de inúmeros workshops com grandes nomes das Artes Cênicas, como Fátima Toledo. Aline tem na atuação uma de suas verdadeiras paixões de vida. “Meu maior sonho é ver meu trabalho em uma tela de cinema. Quero levar minha arte para o mundo”, conta a futura atriz que não para de estudar e se preparar.

Por enquanto ela empresta toda sua sapiência ao programa dominical, do qual tem um amor enorme. “Devo muito à direção do Pânico, em especial ao diretor Alan Rapp e ao apresentador Emilio Zurita. Eles acreditaram no meu potencial e me deram uma chance de ouro. Amo o que faço e o programa é uma escola maravilhosa”. Antes do Pânico, Aline emprestou seu charme ao Programa do Gugu, em sua primeira versão na Record. Lá, ela era figurante em quadros e em seguida, integrou o time de dançarinas de palco. “Amava o que fazia e nunca tive problema com a exposição. Adorava me exibir de biquíni na TV e hoje ainda me sinto totalmente à vontade”, diz. O programa logo acabou e ela foi para o SBT quando teve uma participação de seis meses, em um programa esportivo. Lá pode atuar como assistente de palco e repórter, uma de suas paixões.

“Amo ouvir histórias. Gosto muito de conhecer novos lugares e novas pessoas. Acredito que todo mundo tenha uma história para contar e eu estou sempre aberta a ouvir”, diz.        Aline cursou dois anos de uma Faculdade de Jornalismo, que foi abandonada para cursar Artes Cênicas. “Me arrependo muito de ter largado a faculdade, mas ainda tenho muito amor pelo jornalismo”, revela a bela. Antes ainda deste universo da televisão, Aline Mineiro trabalhou por pouco tempo em uma empresa de telemarketing, ralou muito em um Buffet, onde até limpava chão, servia os convidados em festas e lavava louça e ainda teve uma experiência como recepcionista internacional em um aeroporto.

Ali pode explorar tudo o que aprendeu em cinco anos de estudos em uma escola de inglês. “Sou de origem humilde. Meus pais se separaram, mas sempre pensaram no meu futuro. Como não tinha luxos, mas gostaria de alguns mimos que todos adolescentes querem, como o tênis da moda, decidi aos 15 anos trabalhar e fui conquistando meus sonhos aos poucos”, diz. Um desses sonhos era o de viajar pelo mundo. Aline já fez safári na África, conheceu a Disney e morou um tempo na Austrália, entre tantas outras aventuras. Além das viagens, ela conquistou ainda a tão sonhada operação de colocação do silicone nos seios.

“A época em que trabalhei no aeroporto me serviu de muito aprendizado. Além de exercitar meu inglês, pude conhecer muitas pessoas e aprendi muito com cada um delas. Guardo essa fase com muita saudade”, conta. Aline se lembra ainda da primeira viagem que pode proporcionar para a mãe para os Estados Unidos.

 

VIDA DE BELDADE

Já deu pra perceber que a vida de Aline Mineiro é repleta de fases, não é mesmo? Aliás, para quem pensa que o ‘Mineiro’ é nome artístico, se engana. Esse é mesmo o sobrenome de Aline. “Tem muita gente que pensa que sou mineira, mas nasci em São Paulo. O nome é mesmo de família”, diz. O nome marcante está fazendo história na mídia, tanto é que a bela já tem grandes marcas de patrocínios, como roupas e suplementos alimentares. Nas feiras do segmento fitness, ela é uma das mais requisitadas para fotos e autógrafos. Só neste ano, a bela bateu 100 presenças VIP pela marca New Millen. É um sucesso só!

“Amo meus fãs. Tenho mais de 50 fãs clubes e amo esse carinho”. Aline estuda a criação de uma marca própria de roupas e ela mesma já desenhou uma coleção de biquínis que promete lançar em breve.

Aline tem o tiro esportivo como hobby e adora. Recentemente a gata rompeu o ligamento do joelho e também lesionou o ombro e por isso, teve que deixar a academia de lado. “Só quem treina sabe a tristeza de ter que se afastar da academia”. O acidente aconteceu há pouco mais de dois meses e a gata estava ‘no auge do corpão’, mas sem se exercitar, perdeu 5kg.

“O diagnóstico é de cirurgia, mas com muitos compromissos profissionais agendados até o final do ano, decidi operar só no ano que vem. Sempre treinei, sempre peguei muita carga, sempre fui grande, então perder peso não foi nada legal. Fiquei murcha e vi as celulites aparecendo”, conta.

“No joelho da Aline existe uma lesão na cartilagem do fêmur e da patela e por isso, muita crepitação e no ombro esquerdo a ressonância confirmou uma síndrome do impacto do ombro que é a patologia do ombro na qual não apenas a bursa encontra-se inflamada, mas também os músculos que passam pelo espaço subacromial apresentam sinais de tendinite”, nos conta o fisioterapeuta da musa Dr. Guilherme Guarino.

A partir daí Aline passou a fazer fisioterapia duas vezes por semana em casa com o fisioterapeuta e recorreu a tratamentos estéticos para evitar a flacidez.

Aos poucos foi retornando à academia e hoje já consegue fazer agachamento com cargas cada dia maiores. “Tive muita ajuda do meu empresário, do meu personal Ricardo Macedo, da minha mãe e do meu namorado, que na ocasião me apresentou o fisioterapeuta Dr. Guilherme. Não estou satisfeita com meu corpo, mas estou mais magra e feliz por isso”. E não é só ela que acha isso. O namorado e os fãs rendem muitos elogios ao novo shape. “Já tive o estilo grandona, hoje estou mais enxuta e isso tem me possibilitado uma gama maior de trabalho. Nunca acreditei em estética, mas recorri pelas celulites, para afinar a cintura”. Aline tem 25 anos, mas diz se sentir com 20 e com experiência de 35.

A beldade se define como ‘a magrinha que tem bumbum’. “Meus pais são magros e eu tenho algumas curvas, que agora modelo na estética, mas sempre me mantive magra. Minha dificuldade é ganho de massa. Eu sou magra e perco peso muito fácil”, diz. Mesmo sendo bem restrita, evitando frituras, refrigerante e tudo o que possa tirá-la da linha, ela se permite, raramente, a extravagâncias, como o cachorro quente da barraquinha no final da balada. “Aí vou pra academia e corro atrás do prejuízo”, confessa. Do contrário, adora castanha do Pará, abusa de saladas, verduras e legumes. Leva marmita com comidinhas saudáveis incluindo os mimos da mãe, que sempre investe nas frutas e na água de coco, com muito carinho.

E por falar em carinho, Aline participa recentemente de um projeto na cidade de São Paulo, onde entrega roupas e alimentos a moradores de rua, durante a madrugada. “Ponho meu moletom, minha touca e vou com a galera que ama ajudar. Ali a gente não entrega somente o pão ou o cobertor, mas também a atenção. Me sinto muito bem em ajudar esses moradores de rua. São madrugadas inteiras de visitas e conversas que somam muito. É um aprendizado sem fim”.

 

 

BOX 1

RAIO X DA MUSA

Aline Mineiro

18/09/1991

Altura: 1.70m

Peso: 65kg

Quadril: 107cm

Cintura: 66cm

Busto: 98cm

 

 

BOX 2

MIX DA BELDADE

CARDÁPIO

Café da manhã

Leite desnatado ou suco de frutas ou iogurte light ou chá + pão integral (de forma ou francês) com peito de peru, queijo branco ou frutas ou omelete com ovo inteiro, chia e sal rosa

 

ALMOÇO

1 bife de carne vermelha com 150g a 200g grelhado ou 1 bife de frango grelhado

Salada verde à vontade

Legumes

Arroz integral

Feijão

Aline não usa óleo comum, ela usa o óleo em spray livre de gorduras (pan) ou somente na chapa

 

LANCHE DA TARDE

Frutas ou barral de cereal ou suco de frutas natural ou lanchinho de pão integral com frango grelhado ou banana com aveia

 

JANTAR

Bife grelhado com salada e legumes ou peixe gralhado com salada e legumes

 

CEIA

Gelatina ou omelete de ovos inteiros com chia ou barra de cereal

 

INTERVALOS ENTRE AS REFEIÇÕES

Whey protein

 

Apesar de ter uma alimentação muito regrada e balanceada, Aline se dá ao direito a uma refeição off na semana e atualmente prefere não passar vontade e logo depois faz suas compensações na academia. O maior segredo de beleza da gata é tomar diariamente 4 litros de água

 

BOX 3

RECUPERAÇÃO E TREINAMENTO

Aline Mineiro é acompanhada pelo personal Ricardo Macedo, que é personal há 10 anos e nessa fase pós-acidente com o rompimento no ligamento do joelho, com o fisioterapeuta Guilherme Guarino. Aos poucos está voltando ao ritmo da academia e lá ela treina:

 

Membros superiores

Rotação interna e externa de ombro no cross over 3X15 cada

Remada baixa sentada 4X12

Remada sentada máquina supinada 4X12

Remada máquina fechada + aberta (bi-set) 4X10-12

Remada unilateral 4X12

Crucifixo cotovelo 4X12

Supino máquina 4X12

Elevação lateral 4X12

Elevação frontal 4X12

Remada alta 4X12

Rosca direta + tríceps testa

Rosca alternada + tríceps kick back 4X12

Rosca concentrada + tríceps testa na máquina 4X12

Hiperextensão lombar 4X15

 

Abdômen

Reto abdômen máquina 5X15

Reto abdômen no pulley 5X15

Elevação quadril paralela máquina ou prancha 5X15

Reto abdômen solo com peso 5X15

 

Membros inferiores

Agachamento livre 45º 4X12

Agachamento com base instável 4X15

Afundo com base instável 3X15

Leg press horizontal unilateral 45 graus 4X12

Cadeira extensora unilateral 45 graus 4X12 + 30s isometria

Mesa flexora 45 graus 4X12 + 30s isometria

Gluteo cabo cross over joelho fletido 4X12

Panturrilha no leg press joelho fletido 4X20

Adução e abdução máquina 4X20

Flexão quadril no cabo do cross over 4X15

 

Fonte: REVISTA SUPLEMENTAÇÃO - ANO 9 - EDIÇÃO Nº45

Imprimir Enviar por email
  • Banner
  • Banner
  • Banner